Certificado de Destinação Final em 24h: entenda como diminuímos a burocracia do gerenciamento de resíduos

Por meio de uma eficiente gestão interna e agilidade no recebimento dos resíduos de seus clientes, a Biosys é capaz de emitir o Certificado de Destinação Final (CDF) em até 24h após a coleta.

Que o CDF – Certificado de Destinação Final é um importante documento emitido pelo destinador final você já sabe. E que este certificado comprova que os geradores de resíduos tomaram as medidas adequadas para sua destinação correta você também já entendeu.

Mas como a Biosys é capaz de emitir esse registro em até 24h após a coleta se algumas empresas levam mais de 15 dias para fazer o aceite da carga de resíduos no sistema, realizar a baixa do MTR para, então, proceder com a expedição do Certificado de Destinação Final?

UMA DECLARAÇÃO FORMAL

Antes de mais nada, não custa reforçar que o CDF compreende uma declaração formal de que o resíduo foi destinado corretamente e que esse documento só é válido e reconhecido pelos órgãos ambientais competentes, quando emitido através do Sistema de Controle de Manifesto de Transporte de Resíduos (MTR).

Em síntese, o MTR é utilizado como um instrumento para garantir o cumprimento da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). A emissão do MTR e a geração do CDF está condicionada ao cadastro do receptor no MTR online.

Vale lembrar que a geração do Certificado de Destinação Final não tem custo e que nele estão contidas todas as informações exigidas pelo MTR — dados do gerador, receptor e resíduos, qual codificação foi utilizada, nome da codificação e a quantidade em peso/volume.

COM O CERTIFICADO DE DESTINAÇÃO FINAL EM MÃOS

É de posse do Certificado de Destinação Final que a empresa geradora é capaz de comprovar aos órgãos competentes que realiza a destinação final de seus resíduos de forma ambientalmente correta, conforme disposto na legislação ambiental.

Com o CDF é possível, também, verificar o atendimento/manutenção da certificação ISO 14001 — que apresenta requisitos relacionados ao gerenciamento dos aspectos ambientais durante o ciclo de vida do produto ou serviço.

Isto posto, fica claro que atrasos na emissão do Certificado de Destinação Final de Resíduos podem acarretar não somente em problemas na cadeia produtiva como também provocar punições para a indústria geradora, caso aconteçam fiscalizações por parte dos órgãos ambientais responsáveis e auditorias, por exemplo.

No Rio Grande do Sul, o não cumprimento da legislação ambiental descrita na lei estadual 9.921/2009 e na Política Nacional de Resíduos Sólidos – PNRS (Lei nº 12.305/2010) pode implicar em penalizações administrativas no valor de 25 a 500 mil UPFS – Unidade Padrão Fiscal. Em valores atuais, a multa pode iniciar em cerca de R$ 508 e chegar a mais de R$ 10 milhões.

EVITE DORES DE CABEÇA

Para evitar qualquer dor de cabeça nesse sentido é preciso contar com uma empresa especializada no gerenciamento completo de resíduos industriais como a Biosys.

Como já dito, a nossa empresa garante a emissão do Certificado de Destinação Final em até 24h após a coleta, o que só é possível por meio de uma eficiente gestão interna e grande agilidade nos processos de coleta, transporte, armazenamento temporário e tratamento. 

A Biosys é uma empresa licenciada pela FEPAM – Fundação Estadual de Proteção Ambiental para fazer o processo completo de gerenciamento de resíduos Classe I e Classe II no Rio Grande do Sul. Como fornecedor único, realizamos desde a coleta no gerador, o transporte, a triagem e o armazenamento até o devido tratamento com a destinação final.

Além de cumprir rigorosamente com toda a legislação ambiental, ser licenciada pela FEPAM, cadastrada no IBAMA e na ANTT, a Biosys também conta com seguro ambiental. Dessa forma, todas as atividades realizadas pela empresa estão seguradas, trazendo ainda mais tranquilidade para nossos clientes, em caso de um possível sinistro.

Agora que você entende como é possível receber seu CDF em até 24h com parceria de uma empresa de gerenciamento de resíduos séria e confiável como a Biosys, que tal solicitar um orçamento personalizado para as necessidades da sua empresa? E, se você ainda tem dúvidas, entre em contato com a gente

LEIA
TAMBÉM

Empresa que faz gestão de resíduos gerados na indústria gaúcha, a Biosys Ambiental conseguiu driblar uma alta de quase 50% nos custos para manutenção de logística deste ano através do investimento na modernização de sua frota, em equipamentos e na sua estrutura física.
Desde o momento em que nascemos já deixamos um registro na nossa existência. Trilhamos por vários caminhos. Consumimos, economizamos, protegemos. Muitas vezes destruímos. Faz parte da nossa natureza humana nos experimentarmos e também reavaliarmos. Este é o mérito do ser humano: constatar erros e consertar estes.
Optar por mandar resíduos para aterro industrial mantém o passivo ambiental de sua empresa enquanto existem outras alternativas para esses resíduos. A Biosys Ambiental trabalha com a tecnologia do coprocessamento, um processo que transforma o resíduo industrial de nossos clientes em combustível alternativo.
Nosso ano passado foi cheio de realizações que queremos dividir com você. Em um momento em que contávamos com perspectivas de recuperação em meio às incertezas decorrentes da pandemia do coronavírus, 2021 se mostrou um ano de muitos desafios e superações.
A Biosys Ambiental conquistou a certificação internacional ISO 14001, passando a integrar o seleto grupo de empresas gaúchas de gerenciamento de resíduos a possuir uma certificação em qualidade ambiental. Saiba mais sobre nossa conquista.
São considerados resíduos os “restos” das matérias-primas que após a transformação pela indústria não viram produtos, mas sim materiais descartados após o beneficiamento ou produtos/embalagens pós consumo humano. Acompanhe nosso artigo e saiba mais sobre os tipos de resíduos e como a Biosys Ambiental pode contribuir para o seu correto gerenciamento.
Desde o início da era industrial até a era digital, muitas transformações aconteceram ao redor do mundo. Uma delas está no aumento da preocupação relacionada aos temas ambientais e ao desenvolvimento sustentável. Na natureza, porém, nada é desperdiçado. Tudo é continuamente metabolizado e interage de forma dependente...
Um debate que é considerado imprescindível para a Biosys é a sustentabilidade inovadora. No último trimestre, realizamos uma live que contou com diversos profissionais para analisarmos em conjunto O Futuro Sustentável dos Bons Negócios. Nesta ampla análise a professora da UFRGS, Istefani Carisio de Paula, abriu o ponto inicial:A sustentabilidade é inovadora?
O Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS) é um requisito obrigatório para empresas obterem ou renovarem a sua Licença Ambiental. Ele indica, entre outros, os seguintes dados: – Quais resíduos sólidos a empresa gera; – A quantidade de resíduos sólidos gerados; – A metodologia usada no manejo destes resíduos.